domingo, 6 de outubro de 2013

Todas essas pessoas do mundo inteiro...

   É tão engraçado que entre mais de 7 bilhões de pessoas no mundo inteiro você é uma delas? Ligada a muitas outras pessoas direta ou até indiretamente. Cada uma dessas pessoas tem uma vida, diferente da sua e da minha. Algumas delas estão em frente ao computador agora escrevendo, interagindo, lendo notícias, estudando. Outras não tem nem mesmo energia elétrica nesse momento e possivelmente nem tiveram o mínimo contato com um computador. 
 Pra nós não é possível imaginar a vida sem um celular, um computador, televisão e para algumas pessoas não é possível se imaginar uma vida com luz, aguá encanada ou até mesmo própria para o consumo. Como seria trocar de lugar com uma pessoa assim? Como seria sentir o que essa pessoa sente, ver o que ela vê? 
 O mais importante de pensar em tudo isso ou questionar é que, todas as pessoas que tem  limitações, que passam por necessidades, que não tem uma vida de conforto como a nossa,  também amam, também sonham, também se alegram em algum momento, mesmo com o pouco que possuem. 
 Todos são cada vez mais egoístas, poucos ajudam essas pessoas que estão em todos os lugares. Nem que não seja uma pessoa com necessidades, mas talvez até mesmo um amigo ou um conhecido que tem algum problema, ninguém está preocupado em saber o que é ou porque, se não for para tirar uma certa vantagem. 
  Procure ser mais amigável, sorridente, agradecido, mesmo que custe muito já é algo. As grandes mudanças começam com pequenas atitudes.