terça-feira, 6 de agosto de 2013

Silêncios...

    Dias e mais dias, momentos e mais momentos, palavras e mais palavras. Tudo é tão fácil de ser consumido com duvidas, incertezas, confusão e acima de tudo medo. Um sorriso mal interpretado dado a outra pessoa, perguntas que fazem com que o mundo desabe e coisas que magoam. Tudo isso fica lá martelando e martelando fazendo com que as coisas se acumulem e dias escuros pareçam com séculos. 
    O que mais dói em todas essas coisas é aquele silêncio que existe, pessoas em silêncio dão muito o que falar internamente ou mentalmente. Silêncio que corta, silêncio que não pode ser esquecido e mais ainda silêncio que impedi de dizer tudo o que precisa ser dito. 
   Nada mais triste do que isso, não saber o significado de um silêncio e mesmo assim saber que ele é frequente e magoa muito. O mais triste é saber que talvez os períodos de silêncio possam continuar trazendo mais medos e incertezas sobre tudo. 
          

2 comentários: