quarta-feira, 20 de março de 2013

Viver???

     O dia está nublado e chove lá fora, é possível ouvir as gotas pesadas que caem e batem na janela. Olhando para as gotas também é possível senti-las frias e úmidas em um dia como esse. Um banho de chuva seria ótimo e junto com ele a sensação de liberdade pulsante como a vontade de nunca olhar para traz ou voltar.
Ao invés disso, da sensação de liberdade existe o medo crescente de nunca sair, nunca começar a viver verdadeiramente, não sentir as gotas de chuva ou aquela brisa que vem ao amanhecer. Como será viver? Sabe, sem medo de repreensões ou olhares de insignificância nada, nada mesmo pode ser mais frustrante do que o medo de viver e não ter vivido aquilo que sempre achou que era viver de verdade.
Será viver cantar uma música de forma desafinada e sem medo, escrever uma poesia sem fim ou uma epopeia interminável... Como o viver é vivido?
Será possível morrer sem saber o que é  ter vivido?  
          

Nenhum comentário:

Postar um comentário