quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Procurando por amor em páginas...


Certo dia Carolina procurava em seus livros algum significado concreto para o amor, ela já o tinha lido várias e várias vezes em histórias como Romeu e Julieta e outras menos dramáticas, porém ainda não havia encontrado o que queria: o significado concreto para esse sentimento.
Quanto mais procurava mais parecia que o significado se afastava, como palavras que lia e não sabia interpretar. Amor, que palavra estranha pensava consigo mesma. Passou a tentar observar o mundo exterior ao seu, buscando uma forma de entender o desconhecido que a assombrava durante os dias e as noites. Nada encontrou, nunca havia dado certo mesmo sair de seu próprio e seguro mundo para buscar respostas fora.
Carolina passou a se sentir impotente diante do sentimento desconhecido pensava que nunca encontraria a resposta para sua incansável pergunta: o que é o amor? Ela já não lia mais romances, pois ficava nervosa facilmente e invejava aquelas pessoas que sentiam o que ela nunca tinha sentido de perto, como personagem principal e já tinha se adaptado a ser somente a leitora que se comovia sem nem saber o porquê.
Em uma tarde enquanto passeava no parque com um livro que era a sua mais fiel companhia, observou um casal ao longe e então percebeu que o amor de dentro pra fora não era uma coisa que se podia sentir sozinha, ela precisava encontrar alguém para sentir e ai sim saber o significado. Foi então que uma emoção tomou conta de Carolina e ela se sentiu satisfeita, ela soube que ele andava por ai a espera dela e juntos saberiam o significado desse sentimento complexo e inexplicável.  
Enquanto não o encontrava ela sabia que podia encontrar nos livros a paixão que precisava para seguir em frente! 
      

Nenhum comentário:

Postar um comentário