quinta-feira, 26 de julho de 2012

Seus Olhos...

Dizem que a gente só passa a perceber mais perfeitamente as coisas, ou dar valor a elas depois que as perdemos e ficamos um longo tempo sem elas. Deve ser mesmo verdade, pois não imaginava que ficaria tanto tempo sem olhar tão fundo dentro da queles olhos.
Olhos que refletiam a luz do sol enquanto ele brilhava nas tardes quentes ou frias. Olhos que se enchiam de sentimentos com a minha presença, que refletiam tudo o que nos fazia feliz. Uma das minhas maiores felicidades era olhar dentro deles no silêncio, perceber quando piscavam.
Certa vez não consegui olhar dentro deles, não podia encarar a queles olhos que refletiam a luz do sol, refletirem nenhuma tristeza se quer. Quando eu fecho os meus olhos e me concentro um pouco, ainda posso vê-los lá, intensos me dizendo alguma coisa que tento esquecer e não posso, pois já é parte de mim.
Nunca mais os vi, mas espero poder os ver de novo um dia. Sinto falta de como era e tenho muito medo de esquece-los aos poucos... 
         
   

2 comentários: