domingo, 22 de julho de 2012

Quero você


Quero ser. Quero sentir-te. Quero notar a cor do teu cabelo contra a luz do sol. Quero tirar pedaços de grama das tuas costas. Quero notar os músculos do teu rosto ao sorrir. Quero sentir tua cabeça no meu ombro. Quero pensar em ti o tempo todo. Quero notar a cor dos teus lábios. Quero tirar-te uma risada. Mais uma. Mas não por graça, por coração. Quero sentir o brilho dos teus olhos. Quero notar tuas bochechas. Quero sentir teus lábios aos meus. Quero teu senso de humor. Tua inteligência. Quero tua personalidade. Quero teu espírito insatisfeito com meias respostas. Quero tua sede de saber. Quero teus braços juntos aos meus. Quero medir a palma da tua mão. Quero arquear meus dedos aos teus. Quero dormir pensando em ti. Quero escrever pensando em ti. Quero te sentir. Quero notar tua respiração. Ouvir os batimentos do teu coração. Quero a saudade de não te ter por perto. O alívio de te ver de novo. E a dor no peito de te ver partir. Quero o frio na barriga. Quero saber o que quer. Satisfazer teus desejos. Quero passar um dia sem fazer nada ao teu lado. Quero conhecê-la.
 Quero ser você.
 Mais acima de tudo, pra parar de querer, pra que te esqueça, ou pra fazer que o querer aconteça, preciso saber:
 Quer ser eu?

Victor Alfons... 

PS: Então, eu não faço muito isso, mas é um dos meus textos preferidos de um amigo meu. Se gostou vou deixar os links dele, se não gostou que pena!!! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário